Quais cuidados deve ter com um Bebê Prematuro ?

Os cuidados vão muito além da UTI neonatal

Ser prematuro exige atenção especial não só nos primeiros meses de vida. Conheça medidas e cautelas necessárias para garantir um desenvolvimento saudável da infância à idade adulta.

Como acontece com outros milhares de pessoas todo ano, eu vim ao mundo antes de completar os nove meses de gestação: minha mãe teve pré-eclâmpsia, condição marcada por pressão alta nessa fase, e isso fez com que eu perdesse peso nos meses finais da minha estada dentro da barriga. Devido aos riscos que nós corríamos, o obstetra optou pelo parto na 36ª semana de gravidez, tempo insuficiente para que eu escapasse de ser prematura.

No entanto, ninguém avisa às mães que os cuidados com o bebê não se restringiam às semanas na UTI neonatal e aos primeiros meses em casa. Que o ideal seria estender um acompanhamento mais rigoroso até a adolescência e, quem sabe, a idade adulta.

A Preocupação com os Cuidados de um Bebê Prematuro só Cresce!

A preocupação com esse tema cresce não só porque a maioria dos pais desconhece a necessidade dessa atenção prolongada mas também em função do aumento expressivo no número dos chamados nascimentos pré-termo no Brasil e no mundo. Um levantamento coordenado pela Universidade Federal de Pelotas, no Rio Grande do Sul, em parceria com outras 12 instituições brasileiras, o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e o Ministério da Saúde, revelou que, em 2011, 11,8% das crianças nascidas por aqui foram prematuras, índice que coloca o país no mesmo nível de nações de baixa renda. Estamos diante de um problema global, já que esse número continua aumentando.

Um relatório da Organização Mundial da Saúde divulgado em 2012 dá uma ideia do tamanho do desafio: o Brasil ocupa a décima posição no ranking dos países com mais prematuros. À nossa frente estão, por exemplo, Índia, Estados Unidos e China. Ainda de acordo com o documento, a chegada adiantada do bebê é uma das principais causas de mortalidade infantil e uma das grandes responsáveis por prejuízos à saúde de curto a… longo prazo.

As consultas com o pediatra e outros especialistas permitem corrigir desvios capazes de comprometer o desenvolvimento físico e psicológico, além de nortear atitudes para prevenir complicações por muitos e muitos anos. A começar pelo coração. Estudos apontam que os pré-termos estão mais propensos à síndrome metabólica lá na frente, aquela combinação de inimigos das artérias, como pressão alta, colesterol elevado e acúmulo de gordura na barriga. Sem um suporte médico adequado ao nascer, o indivíduo tende a ter problemas com placas nos vasos mais precocemente, logo no início da vida adulta.

O que é um Bebê prematuro?

Considera-se que um bebê nasceu antes do tempo quando a gestação dura menos que 37 semanas. Mas há diferentes níveis de prematuridade: entre 32 e 36 semanas, os pequenos são chamados de prematuros tardios; aqueles nascidos no período de 28 a 31 semanas são denominados simplesmente prematuros; e os que tiveram de sair do útero entre 24 e 27 semanas são os prematuros extremos.

Como fazer para seu filho nascer no tempo certo ?

Cigarro, álcool, infecções, excesso de peso e pré-eclâmpsia estão entre os principais fatores que levam uma mãe a dar à luz antes da hora. Por isso, adotar hábitos saudáveis e fazer o pré-natal é fundamental para a cegonha não se apressar. O ideal é procurar um especialista antes mesmo de engravidar a fim de que a mulher comece a gestação em equilíbrio.

Saiba quais os problemas a que os Bebês prematuros estão expostos.

Visão do Bebê Prematuro

O maior perigo é a retinopatia da prematuridade, doença capaz de levar à cegueira. Eis a importância dos exames na UTI neonatal e das visitas ao oftalmologista no primeiro ano de vida.

Audição do Bebê Prematuro

Bebês que ficam muito tempo no hospital têm mais risco de sofrer danos no ouvido devido aos remédios. Por isso, a triagem auditiva e o acompanhamento fonoaudiológico são imprescindíveis.

Vias aéreas  do Bebê Prematuro

Recém-nascidos prematuros têm insuficiência respiratória e precisam de oxigênio com frequência. Devido à imaturidade dos pulmões, também sofrem mais pneumonias.

Cérebro do Bebê Prematuro

Quando há falhas neurológicas sérias, essas crianças têm dificuldade de aprendizado, atrasos na linguagem e até retardo mental. Daí a necessidade de procurar um neuropediatra.

Baixo peso do Bebê Prematuro

A desnutrição é uma das principais ameaças à saúde, principalmente nos prematuros extremos. Com ela, viria a maior dificuldade de comer direito mais tarde – e, logo, ganhar peso e estatura.

Comportamento do Bebê Prematuro

Se não houver suporte médico e psicológico, ser prematuro é fator de risco para distúrbios comportamentais, como déficit de atenção, ansiedade, depressão e agressividade.

Coração do Bebê Prematuro

Além da tendência a lesões nas artérias, o nascimento antecipado pode comprometer a formação do órgão, gerando o sopro cardíaco – que, às vezes, repercute na qualidade de vida.

© Copyright 2015 - A Clia Psicologia - Todos os direitos reservados. Desenvolvimento por Projeta Comunicação - Desenvolvedor Elvécio Francisco

Fale Conosco (11) 4424-1284 / (11) 2598-0732